Corregedoria Geral da Justiça dará apoio a projeto para reinserção de detentos

16 de setembro de 2011 - 03:00

A corregedora geral da Justiça do Ceará, desembargadora Edite Bringel Olinda Alencar, esteve reunida nesta sexta-feira (16/09), com a secretária da Justiça e Cidadania do Estado, Mariana Lobo. O objetivo do encontro foi debater projeto que trata da reinserção de presos no mercado de trabalho. O projeto visa destinar 5% das vagas de trabalho, em obras públicas do Estado, a presos dos regimes aberto e semiaberto. A previsão é de que a iniciativa tenha início em outubro deste ano.
 
Segundo o juiz corregedor José Tarcílio Sousa da Silva, a iniciativa é importante e trará um impacto social positivo. “A ação é viável e a Corregedoria irá apoiar no que for preciso”, disse. Os presos que farão parte do projeto, explicou, serão capacitados e receberão concessão para o trabalho externo. “A análise dos pedidos de trabalho externo será feita pelos juízes das Varas de Execuções Criminais, que estão sensíveis com o projeto”.
 

Também participaram do encontro os juízes Luiz Bessa Neto, Luciana Teixeira de Souza e Cézar Belmino Barbosa Evangelista, titulares da 1ª, 2ª e 3ª Varas de Execuções Criminais da Comarca de Fortaleza, respectivamente. Presentes ainda a magistrada Maria das Graças Almeida de Quental, da Vara de Execução de Penas Alternativas e o juiz auxiliar da Presidência do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), Eduardo Fontenele, além dos juízes corregedores Antônio Pádua Silva e Francisco Eduardo Torquato Scorsafava.
 

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do Ceará