Secretário da Administração Penitenciária do Pará visita sistema prisional do Ceará

23 de janeiro de 2020 - 15:33

Referência atual em gestão de sistema penitenciário do Brasil, o sistema prisional do Ceará recebeu a visita do secretário da Administração Penitenciária do Estado do Pará, Jarbas Vasconcelos. Na companhia do secretário de Estado, Mauro Albuquerque, o gestor paraense conheceu duas unidades em funcionamento, uma em construção, além dos detalhes operacionais e estratégicos do funcionamento do sistema cearense.

No começo da manhã, os dois executivos percorreram todos os espaços e receberam demonstração de todos os serviços prestados pelo Instituto Penal Professor Olavo Oliveira. De lá, os dois Secretários seguiram até a Unidade Prisional Professor José Sobreira Amorim. Jarbas comentou sua impressão sobre o sistema do Ceará.

“A fama precede, mas ao chegar aqui você toma um choque de conhecimento. É ainda melhor na prática. Testemunhamos internos com a mão na massa do trabalho, o procedimento, educação e a postura dos presos é de verdadeiro e natural respeito. Aqui, o crime está apartado entre os mundos externo e interno. Isso naturalmente explica a queda abrupta de todos os índices de criminalidade do Estado do Ceará. Para completar, a gente presencia uma ampla e funcional infraestrutura de educação, trabalho e conhecimento”, atesta.

Anfitrião da missão institucional, Mauro Albuquerque reforça a importância do esforço integrativo entre os comandos prisionais e de segurança pública entre os Estados. “A integração, troca de inteligência e experiência abrem caminho para combatermos o crime com eficiência no País. Ficamos felizes por receber os colegas do Pará e esperamos contribuir com os irmãos de lá, assim como fizemos ao enviar colegas nossos para dar o apoio necessário durante a crise”, comenta.

O executivo paraense reforça a importância da parceria entre os Estados. “Quando tivemos a crise, recebemos apoio de 20 Estados da Federação, dentre eles um importante reforço cearense, comprovado pelo coordenador da Força de Intervenção, que veio do Ceará para combater o crime junto conosco e tem nos dado uma qualificada e abnegada ajuda. Essa intervenção iniciou em agosto de 2019 e, em poucos meses, o Pará já teve uma redução superior a 30% nos índices de crimes cometidos em nossos territórios”, assegura.

Por fim, Mauro e Jarbas visitaram as instalações da primeira unidade de segurança máxima da região Nordeste, que deve ser inaugurada no início do mês de março. O Secretário de Administração Penitenciária, Jarbas Vasconcelos, elogiou a iniciativa cearense. “É um modelo necessário e inspirador, pois se tornam espaços eficientes contra o modelo nacional de funcionamento do crime organizado, além de intimidar pessoas que pensem em cometer crimes aliados ou organizados”, finaliza.